Araçatuba não terá flexibilização na segunda se mantiver baixo isolamento social

O governador do Estado, João Doria (PSDB), informou nesta segunda-feira (4), que os municípios que mantiverem os níveis de isolamento social abaixo de 50%, não serão autorizados a retomar gradativamente a atividade econômica a partir da próxima segunda-feira (11).

É o caso de Araçatuba, que na quinta-feira (30) registrou 39% de isolamento social e no sábado (2), teve o pior índice registrado no Estado, com 44% de isolamento social. Na sexta-feira (1), feriado do Dia do Trabalho, o índice registrado foi de 51%, mesmo percentual de domingo (3).

Durante a semana, o índice mais alto de isolamento social registrado em Araçatuba foi de 49%, justamente no dia 24 de março. Esse foi o primeiro dia da quarentena decretada pelo governo do Estado, que foi prorrogada duas vezes e tem previsão de começar a ser relaxada na segunda-feira.

Ou seja, em nenhum momento desde de que o decreto estadual entrou em vigor, a cidade atingiu o índice mínimo necessário exigido para retomar a atividade econômica. A não ser aos finais de semana e feriados, quando esse índice variou entre 51% e 53%.

Isolamento

O índice de isolamento social no Estado é feito pelo Sistema de Monitoramento Inteligente do Governo de São Paulo. A central de inteligência analisa os dados de telefonia móvel para indicar tendências de deslocamento e apontar a eficácia das medidas de isolamento social.

O objetivo é apontar em quais regiões a adesão à quarentena é maior e em quais as campanhas de conscientização precisam ser intensificadas, inclusive com apoio das prefeituras.

No domingo, a média de isolamento no Estado de São Paulo foi de 59%, ou seja, Araçatuba está bem abaixo da média, que leva em consideração dados referentes a 104 cidades maiores de 70 mil habitantes.

 

 

Fonte: Hojemais